O que nos faz felizes?

Todos queremos ser felizes. Mas saberemos nós o que nos traz felicidade? Neste workshop vamos explorar o que nos faz realmente felizes

Da raiva ao perdão

Neste workshop, aprenderemos como lidar com as emoções que nos perturbam, para vivermos uma vida mais serena e harmoniosa.

Retiro de Outono

Retirar-se do bulício exterior e interior durante um fim-de-semana é tirar férias do que mais nos cansa: o desgaste dos nossos próprios conflitos e turbilhões emocionais.

Meditação

Enquanto a vida vai acontecendo Instante a instante sem nunca parar Sinto a eternidade de cada momento Na atenção que ponho em cada respirar O passado passou, o futuro está…

0 Comments

Ser um com a experiência

Às vezes as nuvens que ensombram a nossa experiência com um véu de separação dissipam-se num breve momento. Sentimo-nos parte de um todo, como uma gota de água cuja existência se fundiu no oceano. Estamos no fluxo, ou como dizem os americanos “we got in the zone”.

0 Comments

Dois tipos de meditação

Os gregos aconselhavam: “Conhece-te a ti próprio”. A meditação é uma ferramenta perfeitamente adequada para esse auto-conhecimento. Todas e quaisquer formas de meditação no Budismo tibetano têm sempre dois aspetos.

0 Comments

O corpo e o espírito na meditação

Que ligação existe entre o corpo e o espírito na meditação? Tal como em todas as áreas da vida, o corpo não funciona sem a mente, nem a mente sem o corpo. Uma alteração da respiração tem efeito sobre a mente, e quando a mente está agitada, a respiração altera-se.

0 Comments

Meditação ou alienação

A grande maioria de nós vive alienada do momento presente, mergulhada em pensamentos e cogitações, absorvida pelo mental e os seus incessantes tormentos. Como vivemos em total desatenção do que se passa à nossa volta, tornamo-nos insensíveis à beleza que nos rodeia e às pequenas coisas nas quais se encontra uma grande parte da felicidade.

0 Comments

O momento presente

A meditação traz-nos de volta para o momento, para a realidade concreta da nossa experiência. Permite-nos ganhar consciência de coisas óbvias como respirar, ouvir, sentir, ter consciência de estarmos sentados ou a andar. Permite-nos notar tudo, sem julgamento, sem comentários.

0 Comments